Palavras sobre o cotidiano: leis que emburrecem

Estava eu pensando  se é possível alguém aceitar uma lei que impede as escolas de cobrarem dos alunos o uso correto da língua portuguesa. Bem sei que existem milhares e milhares de leis no país, uma mais descabida do que a outra, muitas das quais cidadão algum tem conhecimento, porém isso não alivia em nada o meu assombro. Sim, pois alguém pensou, arquitetou um projeto de lei e levou o desvario adiante,  e o dito cujo precisa ser votado. Pensei que elegêssemos parlamentares para zelarem pelo bem da população e do país, não para perderem tempo e dinheiro com  besteiras e atentarem contra o bom senso. Alegam que exigir o bom português é discriminação. Ora, vejam só! Discriminação é não oferecer educação decente para todos os brasileiros. Criar uma lei para defender o uso errado da língua é prova de que o Brasil precisa comer muito arroz e feijão se quiser caminhar pra frente.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s