Banco de personagens: Cleiton sonhou acordado

Acordou cedo e teve preguiça de existir. Tinha uma porção de obstáculos para encarar. O primeiro era o espelho. O seguinte, a geladeira vazia. Só mesmo arrastando sua alma pesada porta de casa afora, no dia que ainda não era, para conseguir bocejar. Bocejou uma eternidade e engoliu toda sua vida sem sentido. Foi andando mesmo até o serviço e não terminou de acordar. Cleiton ainda sonhava com coisas que não tinha e lugares que não conhecia. Sonhou o dia todo até não ter mais ar.

Danielle Arantes Giannini